quinta-feira, março 10, 2022

Avião da FAB chega a Brasília com brasileiros resgatados da Ucrânia

                                             Imagem: Eduardo Militão/UOL
Os brasileiros e estrangeiros resgatados da Ucrânia chegaram a Brasília nesta quinta-feira, 10. O ministro das Relações Exteriores, Carlos França, viajou com o grupo, que foi recebido na base aérea da capital pelo presidente Jair Bolsonaro (PL).
O avião saiu de Varsóvia, na Polônia, na quarta-feira, 9. Foram repatriadas 68 pessoas: 42 brasileiros, 20 ucranianos, 5 argentinos e 1 colombiano. Do total, 14 são crianças. O voo trouxe também 8 cachorros e dois gatos.
Um dos resgatados se identificou como Roni de Moura. Ele disse que o voo no cargueiro multifuncional KC-390 da Força Aérea Brasileira (FAB) não foi confortável, mas “conforto era a última coisa que estávamos procurando” neste momento.
“O voo foi muito, muito cansativo. Quero dar um abraço na minha namorada e no meu filho”, disse Moura, que estava em Kiev cursando o último ano da faculdade de Medicina.
A chegada do grupo foi acompanhada pela primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e por dezenas de aliados. A cerimônia teve ares de evento eleitoral, com a presença de autoridades do governo, de aliados, como o ex-senador Magno Malta, e transmissão ao vivo pelas redes sociais dos filhos do presidente, o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) e o deputado Eduardo Bolsonaro (União Brasil-SP). Os ministros Braga Netto (Defesa), Marcelo Queiroga (Saúde), Onyx Lorenzoni (Trabalho), Flávia Arruda (Secretaria de Governo) e Gilson Machado (Turismo) também estiveram na cerimônia.
Em uma rede social, o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, disse que haverá “requisitos migratórios simplificados no desembarque e testagem e imunização” dos passageiros. “Caso alguém tenha resultado para covid 19, já será encaminhado diretamente para um hotel onde cumprirá a quarentena. Com o apoio das companhias aéreas brasileiras, vamos levar cada passageiro de volta para casa, até o seu destino final”, informou.
Fonte: GP1